Meditar

Comecei a praticar meditação de forma inconsciente, sem saber que o fazia: com oito  anos, punha música clássica a tocar, fechava os olhos e deitava-me a sentir todo o meu mundo interior. Talvez por isso não tenha sido apanhado de surpresa quando me deparei com o conceito de meditação pela primeira vez. Até porque venho de uma matriz atlântica e, por isso, está em mim a memória dessa consciência meditativa, pois sou herdeiro – somos herdeiros – de uma espiritualidade eremitéria e contemplativa.

Meditar é uma técnica que me permite viver no agora, em presença. São muitas as abordagens, muitos os caminhos. Depois de ter experimentado diversas formas de meditar, acabei por desenvolver o meu próprio método – que é sempre o melhor que se pode fazer, tornar algo nosso, com a nossa energia. Medito de manhã, diariamente, embora dê por mim, tantas vezes, em contemplação interior durante todo o dia. Há momentos, aliás, em que a minha mente se esvazia, em que se abre espaço. E como é bom!

Neste episódio, partilho um pouco das minhas experiências com a meditação. Se estás a pensar começar a meditar, mas ainda tens dúvidas, procura informação, pergunta a pessoas que praticam e que conheças, e experimenta.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s